Blog

Expectativas vs. Resultados: como lidar?

Publicado em 16 de junho de 2017

Por Rafael Ferreira

Por: Danilo Soares – 507 Digital

Nem sempre que uma intervenção é feita o resultado é o esperado. E quando a pessoa tem um perfil super diferente do que ela gostaria de ser, como fazer para que seus clientes se sintam felizes com o resultado? Confira conosco!

Dica 1: Usar os verbos certos

Estética não significa cura. O objetivo é melhorar as condições de um organismo saudável. O foco é melhorar, suavizar, harmonizar, ou seja, verbos de força menor. Não se deve usar verbos como sumir, desaparecer, zerar, transformar, já que não é o objetivo da estética.

doutor-paciente

Figura 1 – Use os verbos certos com seus pacientes

Dica 2: Use fichas de avaliação

São aquelas que te auxiliam a obter métricas na hora de lidar com seus clientes, possibilitando uma ideia justa de qual resultado pode ser esperado. Nessa ficha devem existir os dados sociais (nome, endereço, dados pessoas e histórico de doenças e afins) e a avaliação clínica (o que foi feito, o que deve ser feito), o que possibilita um plano de continuidade. Aqui está um link para um formulário usado por nós nesse sentido!


Confira também:  Estrias, como tratar?


Nessa ficha teremos objetivos traçados, aonde se quer chegar. Por exemplo, em um caso de cliente com pés-de-galinha, fizemos todo o tratamento com sucesso, mas nossa cliente reclamou que o tratamento havia lhe dado uma mancha na testa. Como saber o motivo? Fichas de avaliação! Nelas tínhamos fotos de antes e depois do procedimento, o que permitiu perceber se foi realmente no tratamento que isso ocorreu. No caso dessa senhora, a mancha já estava lá mesmo depois do tratamento. Se não tivéssemos esse recurso, seria muito difícil saber disso.

Dica 3: Recursos instrumentais extras

Se um paciente quer perder gordura localizada, quais equipamentos precisaremos ter? Fita métrica é um deles. Mesmo que não seja sua especialidade, é importante ter instrumentos que possam ser úteis. Um adipômetro também pode ser útil nesse exemplo. Com isso você terá sempre muitos dados em mãos para poder tirar maiores conclusões sobre cada ação a ser tomada.

Dica 4: Termo de Consentimento

É um documento onde deve haver tudo que vai – ou pode – acontecer durante o tratamento. Caso haja efeitos colaterais ou reações (como vermelhidão da pele, por exemplo), é nesse documento que isso será especificado. Dessa forma você garante que seu ciente saiba o que poderá acontecer com ele.


derma-blue 

Dica 5: Faça reavaliações

Ao final de cada tratamento, tenha um período para discutir com o paciente os resultados, como ele se sente, e aproveite para fechar o assunto com ele. Se o paciente passou por uma reeducação alimentar ou tratamento relacionado a peso, ele deve obter um guia de como agir após o tratamento, com passos a serem dados. Isso ajuda a pessoa a seguir no caminho certo mesmo sem sua ajuda de perto. Não largue seus pacientes! Crie um vínculo de ‘manutenção com eles’.

 

Clique na foto para assistir o vídeo:

link para o vídeo!

Siga-nos em todas as redes sociais:

YouTube:        https://www.youtube.com/channel/UC0mocDdCm7x6FJnrB7Lb34g

Facebook:       https://www.facebook.com/Doutor-Beleza-1639229893046228/

Website:               http://clinicarafaelferreira.com.br/

Website:               http://www.dermablue.com.br/